Capa » GERAL » II Ursap  realiza palestra sobre medicalização da vida

II Ursap  realiza palestra sobre medicalização da vida

A II Unidade Regional de Saúde Pública (II Ursap), por meio do Programa Regional de Saúde Mental realizará terça-feira (29), às 8h, no auditório deputado Leônidas Ferreira da II Ursap, uma Palestra sobre Medicalização da Vida. O evento será coordenado pela coordenadora regional do Programa de Saúde Mental, Neide Rebouças. O evento terá como palestrantes  a  psicóloga clínica, pedagoga e membro do Conselho Gestor da Associação Brasileira de Logoterapia e Análise Existencial (ABLAE), Neide Rebouças e a mestra em Farmacologia pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)  e farmacêutica da  Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA), Sheilla Alessandra Ferreira Fernandes

DRA SHEILLA FERNANDES

Perfil da palestrante Sheilla Alessandra Ferreira Fernandes

Possui graduação em Farmácia e Bioquímica pela Universidade Federal do Espírito Santo (2004). Concluiu o mestrado em 2009 pela UNIFESP (Universidade Federal de São Paulo) em Ciências (ênfase em Farmacologia) e trabalhou nesta mesma universidade como Farmacêutica-Bioquímica (técnico nível superior) de setembro 2008 a julho 2011 e na Universidade Federal Rural do Semi-árido, UFERSA, Mossoró, no Hospital Veterinário “Dix-Huit Rosado”, de agosto de 2011 até o presente momento. Tem experiência na área de Reprodução e Farmacologia, com ênfase em Farmacologia Bioquímica e Molecular, além da experiência atual em Farmácia Clínica-Cuidados Farmacêuticos em Saúde Mental.

É doutoranda do Programa de Ciências Farmacêuticas- Área Farmácia Clínica- Universidade Federal do Ceará (UFC) e membro da Associação Brasileira de Farmácia Clínica e da SBRAFH- Associação Brasileira de Farmácia Hospitalar.. Professora da pós-graduação em Farmácia Clínica- Serviços Farmacêuticos da ABRAFARMA (Associação Brasileira de Farmácias)- Módulo Saúde Mental. Sheilla Alessandra Ferreira Fernandes Vice-Presidente da Comissão de Farmácia Clínica/CRF-RN. Docente do módulo de Saúde Mental do Projeto Cuidados Farmacêuticos no SUS- Conselho Federal de Farmácia- CFF.

A medicalização da vida

Diariamente, somos submetidos a inúmeras informações na área da saúde dizendo o que devemos e o que não devemos comer, como devemos nos portar, que prevenções deveremos fazer para ter uma vida mais saudável. Esta “onda saudável” se, por um lado, tem possibilitado uma vida mais longa e com melhor qualidade, por outro tem criado um espaço de utilização de medicamentos que estão, dia a dia, substituindo a alimentação ou até mudando nossos hábitos.

 A indústria das vitaminas, dos medicamentos fitoterápicos, dos medicamentos alopáticos e dos homeopáticos cresceu vertiginosamente no mundo inteiro. Hoje, por exemplo, a indústria farmacêutica é a segunda em faturamento no mundo, perdendo apenas para a indústria bélica. Passamos então a ter um novo elemento no cardápio da vida: os medicamentos. É comum, no café da manhã, levarmos um pequeno estojo cheio de pílulas coloridas para cada parte do corpo e que, pretensamente, nos ajudarão em alguma coisa, ou então, na sala dos professores, no intervalo de aulas, uma colega solicitar a outra uma pílula que retire um pouco o seu “stress” da sala de aula.

A medicalização da vida é uma prática comum, pois tornou-se corriqueiro ir a uma consulta e sair com uma receita em mãos. Nessa busca por um alívio imediato dos sintomas, cada vez mais pessoas colocam sua confiança em receitas rápidas, que possam diminuir o mal-estar sem compreender as origens desse sofrimento.

Abdias Duque de Abrantes

Assessor de Comunicação Social

II Ursap MTB-PB Nº 604

 

 

Enviar Comentário

O www.oagora.net esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o www.oagora.net gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.