Capa » Painel Rotativo » Morre em Campina Grande o ex-maestro da Orquestra Jesus, Maria e José de Uirauna, Expedito Capitão

Morre em Campina Grande o ex-maestro da Orquestra Jesus, Maria e José de Uirauna, Expedito Capitão

Faleceu domingo (14) em Campina Grande, aos 94 anos, o ex-maestro da Orquestra Jesus, Maria e José da cidade de Uirauna, Expedito Gomes da Silveira (Expedito Capitão).

MAESTRO UNA

Expedito Capitão  nasceu no  Município  de  Uiraúna em 18 de fevereiro de 1927. Era o sétimo filho do casal Capitão Israel Gomes da Silveira e Dona Maria Fernandes da Silveira. O seu pai o Capitão Israel, figura ilustre potiguar, era tocador de fole e defensor das artes musicais e terminou por gerar uma expressiva descendência de músicos na família.

Expedito Gomes da Silveira  iniciou sua carreira artística aos 11 anos tocando tarol na banda de música “Jesus, Maria e José”. Depois  foi maestro da banda, onde permaneceu na regência de 1952 a 1957, entregando a batuta em seguida ao seu irmão Dedé de Capitão.

O maestro Expedito Gomes da Silveira  integrou a Orquestra de Capiba que  tocava nos carnavais do Campinense Clube, em Campina. Dedé de Capitão  fixou residência em 1957 na Rainha da Borborema. Nos anos 70, tornou-se membro da Filarmônica Epitácio Pessoa, onde permaneceu por cinco anos. Em seguida, assumiu a regência da Orquestra Campinense de Frevo, que animou carnavais na cidade.

Aos 15 anos, compôs uma  valsa para sua mãe: “Valsa Maria Fernandes da Silveira”.

Em Campina Grande ” a capital do trabalho” exerceu as profissões de alfaiate e comerciante.

O mastro Expedido Gomes da Silveira  deixa seis  filhos : Stênio, Stella, Fátima, Cristina, Suzane e Renato.

“O músico de referência e maestro Expedito Gomes da Silveira sempre visitava a nossa terrinha nos feriados e na tradicional festa de janeiro”, disse a doutora em Direito Ambiental pela Universidade de Salamanca na Espanha e advogada, Vescijudith Fernandes Moreira.

Abdias Duque de Abrantes
Advogado, jornalista e servidor público

Enviar Comentário

O www.oagora.net esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o www.oagora.net gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.