Capa » Painel Rotativo » Morre em Teresina, aos 89 anos, o empresário João Claudino Fernandes

Morre em Teresina, aos 89 anos, o empresário João Claudino Fernandes

O empresário João Claudino Fernandes, co-fundador do Grupo Claudino, conglomerado empresarial com sede em Teresina (PI), faleceu nesta sexta-feira (24), aos 89 anos.

JOÃO CLAUDINO

João Claudino nasceu em Luís Gomes, Rio Grande do Norte, no dia 21 de junho de 1930. Filho de João Claudino Sobrinho e Francisca Fernandes Moreira Claudino, casou-se com Maria Socorro de Macêdo Claudino e teve cinco filhos: João Vicente, Cláudia Maria, João Júnior, Alayde Christine e João Marcello.

Iniciou no ramo comercial em 1949, quando o pai lhe arrendou um pequeno comércio em Cajazeiras (PB): A Guanabara do Sertão. Em 1954, a mercearia foi vendida, e João Claudino foi trabalhar com o pai, fazendo parte da firma. A partir de 1966, quando a sociedade com o pai se desfez, tornou-se sócio do irmão, Valdecy Claudino.

Os irmãos Claudino, que até então tinham seus negócios na cidade de Cajazeiras, buscam alternativas para suas atividades empresariais. Resolvem se instalar na cidade de Bacabal, no Maranhão, atraídos pelas boas notícias levadas pelos viajantes. Ali, em uma antiga usina de beneficiamento de arroz, nasceu o Armazém Paraíba, empresa que deu origem ao Grupo Claudino.

João Claudino chegou a Teresina só em 1968, e logo instalou a primeira matriz do Armazém Paraíba na cidade. Ao lado do irmão Valdecy Claudino, ele abriu uma filial no Centro da capital. O crescimento do Armazém Paraíba, em uma região carente de produtos e serviços à época, também gerou oportunidades para outros empreendimentos. Assim, vieram as indústrias, agência de publicidade, construtora, gráfica, frigorífico e shopping centers, entre outros negócios que formam o Grupo Claudino.

Em 2013, Valdecy e João Claudino decidiram separar os negócios. Valdecy ficou com a Socic (Sociedade Comercial Irmãs Claudino), que abriga os negócios de transportes, a administradora de cartões de crédito e um shopping. João ficou com o grupo Claudino, que controla o Teresina Shopping, a Houston e o Armazém Paraíba.

O empresário estava há alguns dias em tratamento contra um câncer de próstata. Na sexta-feira, não resistiu e morreu. Ainda não há informações sobre o velório e o sepultamento.

Enviar Comentário

O www.oagora.net esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o www.oagora.net gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.