Capa » Painel Rotativo » Secretário de Saúde da Paraíba recomenda que pais e responsáveis não enviem filhos para aulas presenciais na Paraíba.

Secretário de Saúde da Paraíba recomenda que pais e responsáveis não enviem filhos para aulas presenciais na Paraíba.

O secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, fez um vídeo explicando que a secretaria não recomenda que os pais e mães encaminhem seus filhos às aulas presenciais.

sala_de_aula-664x443

No material enviado ao ClickPB, ele afirmou que a recomendação está de acordo com o Plano Novo Normal Paraíba, que é válido a partir dessa segunda-feira (5) e mostra João Pessoa, Campina Grande e Cabedelo com bandeiras amarelas.

Geraldo Medeiros citou o exemplo dos Estados Unidos, onde os casos de covid-19 aumentaram em 500% em cerca de cinco meses de aulas presenciais. Ele citou ainda, a síndrome inflamatória multissistémica pediátrica, que está associada à covid-19 e se manifesta geralmente 15 dias após a criança adquirir o novo coronavírus. O secretário alertou que apesar de o percentual de crianças que desenvolvem a síndrome ser pequeno, apenas 0,7% dos casos, a mortalidade é alta.

Por fim, Geraldo Medeiros contou que recebeu confirmação do Ministério da Saúde de que em janeiro chegarão seis milhões de vacinas no país e, entre janeiro e junho, 100 milhões de doses de vacina serão distribuídas. Por isso, valeria ter cautela e esperar.

CLICK CZ

Enviar Comentário

O www.oagora.net esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o www.oagora.net gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.