Capa » POLICIAL » Polícia prende em João Pessoa mulher flagrada recebendo drogas pelos Correios; com ela, já são nove os detidos na Operação Conexão Acre

Polícia prende em João Pessoa mulher flagrada recebendo drogas pelos Correios; com ela, já são nove os detidos na Operação Conexão Acre

 A Polícia Civil da Paraíba prendeu, na última terça-feira (22), mais uma mulher suspeita de atuar em um esquema de tráfico de drogas enviadas pelos Correios. Com ela, os agentes encontraram três quilos de cocaína.

croppedImg_751039900

Reprodução

Com a ação desta terça-feira, subiu para nove o número de suspeitos presos após serem flagrados por policiais civis recebendo encomendas contendo drogas. Ao todo já foram apreendidos 24 quilos de entorpecentes, entre maconha e cocaína, que seriam distribuídos em João Pessoa.

 As prisões estão sendo realizadas por equipes da Delegacia de Repressão a Entorpecentes de João Pessoa (DRE/JP) e fazem parte da Operação “Conexão Acre II” deflagrada na quinta-feira da semana passada (17) pela Polícia Civil da Paraíba, com apoio da Polícia Civil do Estado do Acre e da Empresa de Correios e Telégrafos (ECT). O objetivo ė desarticular um esquema criminoso que tenta distribuir na Paraíba drogas vindas do Acre, por meio dos Correios.

Segundo o delegado Bruno Germano, da DRE/JP, a mulher presa nesta terça-feira (22) foi flagrada por policiais civis no momento em que tentava receber uma encomenda. O fato ocorreu por volta do meio-dia no bairro do Geisel, em João Pessoa. A mulher foi conduzida para a sede da DRE e será autuada por prática de crimes de tráfico de drogas. A cocaína apreendida será submetida a perícias e, em seguida, incinerado.

As investigações apontam que os suspeitos presos iriam ganhar R$ 1 mil para fornecer os próprios endereços, receber as drogas e, depois, entregar aos demais integrantes do grupo criminoso. A droga é enviada de um fornecedor do Estado do Acre.

Na última quinta-feira (17) a Polícia Civil prendeu cinco pessoas praticando essa conduta. Na manhã do dia seguinte, foram mais três presos. Os trabalhos irão continuar para identificar outros envolvidos no delito – Secom-PB.

Fonte: Carlos Magno

Enviar Comentário

O www.oagora.net esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o www.oagora.net gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.