Capa » GERAL » 31 anos do ECA: Prefeitura de Cajazeiras desenvolve ações de proteção e defesa dos direitos de Crianças e Adolescentes

31 anos do ECA: Prefeitura de Cajazeiras desenvolve ações de proteção e defesa dos direitos de Crianças e Adolescentes

Neste dia 13 de julho, o Estatuto da Criança e do Adolescente, completa 31 anos do seu lançamento e de luta pela garantia dos direitos de crianças e adolescentes no Brasil e, em sintonia com as políticas públicas defendidas pelo ECA, a Prefeitura de Cajazeiras, por meio da Secretaria Municipal para o Desenvolvimento Humano, vem desenvolvendo diversas ações com vistas à proteção e defesa dos direitos de Crianças e Adolescentes.

ECA

Na avaliação da secretária Simone Macambira, as campanhas de Combate ao Abuso e Exploração de Crianças e Adolescentes, realizadas na semana de 17 a 21 de março, e Contra o Trabalho Infantil, de 07 a 11 de junho, são exemplos desse cuidado da gestão municipal com as crianças e adolescentes de Cajazeiras.

Juntamente com o CREAS Municipal e o Conselho Tutelar, a pasta tem intensificado as buscas ativas de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social, contando também com os apoios Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (COMDICA), do Programa Criança Feliz e do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos que, mesmo com as restrições impostas pela pandemia, continuam realizando os seus atendimentos.

“Crianças e adolescentes não são futuro e, sim, presente. São sujeitos de direitos e merecem ser vistos com respeito, para que desenvolvam suas autonomias e cresçam em ambientes saudáveis. Temos que sempre lembrar que uma lei que protege a infância, protege a sociedade inteira”, ressalta Delânio da Silva Sousa, presidente do COMDICA.

Radar Sertanejo

Enviar Comentário

O www.oagora.net esclarece aos internautas que o espaço democrático reservado aos comentários é uma extensão das redes sociais e, portanto, não sendo de responsabilidade deste veículo de comunicação. É válido salientar que qualquer exagero, paixão política e infrações à legislação são de responsabilidade de cada usuário, que possui sua própria conta na rede social para se manifestar, não tendo o www.oagora.net gerenciamento para aprovar, editar ou excluir qualquer comentário. Use o espaço com responsabilidade.